A Casa do João celebrou o Dia Mundial da Leitura em voz alta

21

A Casa Allen, no Porto, acolheu a 1 de fevereiro o 1.º Encontro de Escritores de Literatura Infanto-juvenil – LIJ –  d’A Casa do João, iniciativa que teve o apoio da DGCN / Casa das Artes.

Estiveram presentes 20 escritores (3 galegos e 17 portugueses) que têm como ofício a escrita para crianças e jovens. O evento teve como objetivos o conhecimento e encontro mútuo, o diálogo intergeracional e o debate sobre algumas questões do mundo da Escrita. O encontro informal (como se quer nesta casa) teve dois pontos de debate e reflexão: a LIJ (entre a) Ética e a Estética e a LIJ e o diálogo entre o textual e o visual. “Graças a este Encontro foi possível pôr os escritores a debater sobre dois temas que lhe dizem respeito, promovendo o convívio e celebrando a literatura”, referiu João Manuel Ribeiro, diretor da revista.

O dia terminou com leitura de textos porque se celebrava o Dia Mundial da Leitura em voz alta. Um desses momentos foi precisamente protagonizado pela escritora Anabela Borges que partilhou alguns desses registos nas redes sociais, escrevendo o seguinte: “A Casa do João” recebeu-nos desta forma calorosa! E é tão bom partilhar a palavra, num debate informal sobre a estética, a ética; a interacção dialógica entre texto e imagem. E fizemos a celebração do Dia Mundial da Leitura em Voz Alta. Foi um prazer conhecer os convidados, companheiros de ofício, da Galiza e encontrar e reencontrar os “nossos” por cá”.

Destinado apenas a escritores, de diferentes idades e gerações, este Encontro conseguiu reunir nomes consagrados e escritores que estão a dar os primeiros passos no mundo da Literatura. “Nada que não seja intencional, bem pelo contrário, já que a ideia passa também pela troca de experiências e pelo enriquecimento mútuo”, explicou João Manuel Ribeiro, também ele escritor (um dos mais consagrados da Literatura Infantojuvenil), editor e investigador.

António Mota também não deixou de partilhar o momento nas redes sociais: “Hoje, o dia foi muito bem passado na casa Allen, Porto, no Encontro de Escritores de Literatura Infantojuvenil (e Dia Mundial da Leitura em voz alta), organizado pelo escritor João Manuel Ribeiro. Aqui estamos todos, portugueses e galegos”.

“Felicito o João Manuel Ribeiro pela iniciativa e estou grato por partilhar percursos, experiências e saberes dos escritores e mestres na arte de comunicar a vida com palavras, imagens e criatividade literária aos que iniciam a sua caminhada nesta vida”, partilho, por sua vez, José Vaz, outro escritor que marcou presença no evento.

1 de fevereiro de 2020, Dia Mundial da Leitura em voz alta, marca assim a reunião entre vários escritores de Literatura Infantil e Juvenil, portugueses e galegos, num Encontro promovida pela “A Casa do João” – a única revista de literatura Infantojuvenil em Portugal, editada pela Tropelias & Companhia – Associação Cultural, em parceria com o Centro Cultural de Amarante Maria Amélia Laranjeira e o Centro Unesco de Amarante.